,

Um “cristão de verdade”

Qz5nqmVrOplUIOrQ9ddDkIGhLder7t_qMLT3pgW70C9ztE5bh-YawT6woIszk2eOAwdP5__M0W4wO8jstOFsLtY43Oq4YafUNsSO6_9SrN3BgLrF5fKEPA1Z1naBPtplOGSrlCw8BmIPLR6G=w471-h312-nc

Sobre ser um “cristão de verdade” através de regras e cartilhas sobre vestimentas, vocabulários, músicas, pensamento político e etc:

Ninguém os engane com argumentos aparentemente convincentes.

Portanto, assim como vocês receberam a Cristo Jesus, o Senhor, continuem a viver nele, enraizados e edificados nele, firmados na fé, como foram ensinados, transbordando de gratidão.

Tenham cuidado para que ninguém os escravize a filosofias vãs e enganosas, que se fundamentam nas tradições humanas e nos princípios elementares deste mundo, e não em Cristo.

Já que vocês morreram com Cristo para os princípios elementares deste mundo, por que é que vocês, então, como se ainda pertencessem a ele, se submetem a regras:

“Não manuseie! ” “Não prove! ” “Não toque! “?

Todas essas coisas estão destinadas a perecer pelo uso, pois se baseiam em mandamentos e ensinos humanos.
Essas regras têm, de fato, aparência de sabedoria, com sua pretensa religiosidade, falsa humildade e severidade com o corpo, mas não têm valor algum para refrear os impulsos da carne.

Colossenses 2:4,6-8, 20-23

Por Thiago Surian

Comentários

Deixe uma resposta

Loading…

Comentários

O QUE VOCÊ ACHA?

0 points
Upvote Downvote

Total votes: 0

Upvotes: 0

Upvotes percentage: 0.000000%

Downvotes: 0

Downvotes percentage: 0.000000%

Written by Cleidson Almeida

facebook-profile-picture

Servo de Deus, carioca, músico, tecladista da banda Evangellic, nerd, designer, louco por games e tecnologia